Sep 182009
 
Prêmios de Veneza

Prêmios conservadores em Veneza – nem sempre Brian De Palma e Abel Ferrara ganham! Lebanon, de Samuel Maoz, venceu o Leão de Ouro. Filme memorialístico sobre a Guerra do Líbano que, por melhor que seja (não vi, claro), pegou carona no sucesso de Valsa com Bashir. E, embora parte da crítica se derrame a respeito da estrutura “inovadora” de quatro homens presos dentro de um tanque, lembro-me de O Barco – Inferno no Mar e [...Continua...]

Aug 092009
 
Veneza - Competição Oficial

Selecionados para a competição oficial do 66o. Festival de Veneza. Lista fraca, a começar pelos donos da casa. Giuseppe Tornatore, maior destaque? Melhor assistir à mostra These Phantoms, com clássicos de Vittorio Cottafavi, Marco Ferreri, Elio Petri, Dino Risi, Mario Monicelli, Mauro Bolognini, Damiano Damiani… Os enganadores habituais batem ponto: Fatih Akin, Michael Moore, Patrice Chéreau, Jaco Van Dormael. O festival ainda ressuscita Todd Solondz (crueldade), e traz vários cineastas chineses novos e desconhecidos. Porém, [...Continua...]

Sep 102007
 

Leão de Ouro (melhor filme): Se, Jie (Lust, Caution), de Ang Lee. Leão de prata (melhor direção): Brian De Palma, por Redacted. Prêmio Especial do Júri: La Graine et le Mulet, de Abdellatif Kechiche, e I’m Not There, de Todd Haynes. Melhor ator: Brad Pitt, por The Assasination of Jesse James by the Coward Robert Ford. Melhor atriz: Cate Blanchett, por I’m not There. Prêmio Marcello Mastroianni (ator/atriz revelação): Hafsia Herzi, por La Graine et [...Continua...]

Sep 082007
 

La Graine Et Le Mulet, Redacted e Os Amores de Astrée e Celadon são, por enquanto, os favoritos ao Leão de Ouro em Veneza. Respectivamente, Abdellatif Kechiche (de A Esquiva), Brian De Palma e Eric Rohmer. Nada de novo no front. Related Images:

Aug 172007
 
Veneza, Eu Te Amo

Still Life, 2006, de Jia Zhang-Ke. Se não fosse brilhante, mas tivesse apenas esta cena, já seria o melhor filme do ano. Parabéns ao júri do Festival de Veneza, que conferiu o Leão de Ouro a Still Life (e o prêmio de direção a Alain Resnais, por Medos Privados em Lugares Públicos). Escolhas acertadíssimas, que resgatam anos de decisões infelizes, incluindo as de Cannes e as de Berlim. Related Images:

Jul 272007
 

Competição: Atonement, de Joe Wright (filme de abertura) The Darjeeling Limited, de Wes Anderson Sleuth, de Kenneth Branagh Heya Fawda / Le Chaos, de Youssef Chahine Redacted, de Brian De Palma The Assassination of Jesse James by the Coward Robert Ford, de Andrew Dominik Nessuna Qualità agli Eroi, de Paolo Franchi Michael Clayton, de Tony Gilroy Nightwatching, de Peter Greenaway En la Ciudad de Sylvia, de José Luis Guerin In the Valley of Elah, de [...Continua...]

Sep 092006
 

Ok, Jia Zhang-ke ganhou Veneza. Beleza. Mas não me digam que foi ousadia. Zhang-ke há tempos era a bola da vez. Ele já poderia ter levado com O Mundo, sem contar que Veneza é particularmente receptivo com o cinema oriental. Direção para Resnais. Ele também ganhou o mesmo prêmio (ou segundo prêmio, enfim), em Berlim, em 1997. Já virou quase um feudo para o cineasta, melhor direção. Revelação para Emmanuele Crialese. Bom, mais que óbvio. [...Continua...]