Feb 242010
 


Era uma vez, quando o cinema turco se resumia a Yol, Palma de Ouro em 1982.
Hoje, para o bem ou para o mal, há Nuri Bilge Ceylan e Semih Kaplanoglu, que acaba de ganhar o Festival de Berlim com Honey – última parte da trilogia que conta ainda com Egg e Milk.
Não sei se os filmes de Kaplanoglu passaram alguma vez no Brasil. Talvez em sessões obscuras da Mostra São Paulo. Cakoff adora.
No mais, o júri de Werner Herzog premiou Roman Polanski (que levou o Urso de Ouro por Cul-de-Sac em 1966) como melhor diretor por O Escritor Fantasma – o cineasta não compareceu porque está em prisão domiciliar na Suíça, ainda no imbróglio deporta mas não vai.
Também reconheceram o novo melodrama de Yoji Yamada, além de outra revelação romena, Florin Serban.
Os vencedores da Berlinale 2010:
Urso de Ouro
Honey (Turquia), de Semih Kaplanoglu
Urso de Prata para Melhor Diretor
Roman Polanski (O Escritor Fantasma)
Berlinale Kamera
Yoji Yamada (About Her Brother)
Prêmio para Melhor Filme de Estreia
Sebbe (Suécia), de Babak Najafi
Prêmio Alfred Bauer
If I Want Whistle, I Whistle (Romênia), de Florin Serban
Urso de Prata para Melhor Roteiro
Wang Quan’an e Na Jin (Apart Together)
Urso de Prata para Excepcional Contribuição Artística
Pavel Kostomarov, diretor de fotografia (How I Ended This Summer)
Urso de Prata para Melhor Ator – “Ex-Aequo”
Grigoriy Dobrygin e Sergei Puskepalis (How I Ended This Summer)
Urso de Prata para Melhor Atriz
Shinobu Terajima (Caterpillar)
Urso de Prata – Grande Prêmio do Júri
If I Want To Whistle, I Whistle (Romênia), Florin Serban

Related Posts with Thumbnails

Related Images:

 Leave a Reply

(required)

(required)

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>