Jul 272007
 

Competição:

Atonement, de Joe Wright (filme de abertura)
The Darjeeling Limited, de Wes Anderson
Sleuth, de Kenneth Branagh
Heya Fawda / Le Chaos, de Youssef Chahine
Redacted, de Brian De Palma
The Assassination of Jesse James by the Coward Robert Ford, de Andrew Dominik
Nessuna Qualità agli Eroi, de Paolo Franchi
Michael Clayton, de Tony Gilroy
Nightwatching, de Peter Greenaway
En la Ciudad de Sylvia, de José Luis Guerin
In the Valley of Elah, de Paul Haggis
I’m not There, de Todd Haynes
Taiyang Zhaochang Shenqi / The Sun Also Rises, de Jiang Wen
Bangbang wo Aishen / Help Me Heros, de Li Kangsheng
La Graine et le Mulet, de Abdellatif Kechiche
Se, Jie / Lust, Caution, de Ang Lee
It’s a Free World…, de Ken Loach
L’Ora di Punta, de Vincenzo Marra
Sukiyaki Western Django, de Takashi Miike
12, de Nikita Mikhalkov
Il Doce e l’Amaro, de Andrea Porporati
Les Amours d’Astrée et Céladon, de Eric Rohmer

Fora de competição:
Cassandra’s Dream, de Woody Allen
Cleópatra, de Júlio Bressane
La Fille Coupée en Deux, de Claude Chabrol
Chun-nyun-hack / Beyond the Years, de Im Kwon-taek
Kantoku Banzai! / Glory to the Filmmaker!, de Takeshi Kitano
Cristóvão Colombo – O Enigma, de Manoel de Oliveira

Ótima seleção. Kechiche, Haynes, De Palma, Rohmer, Chahine, Anderson, Miike, Ang Lee…

Claro que Brian De Palma não vai ganhar (embora Abel Ferrara tenha conseguido), e duvido que premiem Lee apenas dois anos depois de Brokeback Mountain. Como Still Life levou em 2006, também acredito que o Leão de Ouro não vai continuar na Ásia. Mais provável que retorne para a Europa.

Expectativas maiores para os novos Haynes (Bob Dylan em vários atores), Chahine, Rohmer (já escrevi post sobre Les Amours d’Astrée et Céladon), Kechiche, De Palma. Curioso para ver como Kenneth Branagh refilmou Sleuth – original de Joseph Mankiewicz, com Laurence Olivier e Michael Caine no elenco -, e para conferir a volta de Mikhalkov.

Acredito que Mikhalkov e Rohmer não sairão de mãos abanando, embora sem o prêmio principal.

Preocupado com Ken Loach, pois o título não é dos mais animadores. Espero que Paul Haggis se inspire mais no roteirista de Clint Eastwood do que no diretor de Crash. E, na ausência de Tsai Ming-Liang, vamos com Li Kangsheng… Quanto aos italianos, desconheço: estou sendo apresentado a eles pela primeira vez.

Mas Peter Greenaway não estava metido com internet? Por que não continuar desaparecido com as maletas de Tulse Luper? Por que dirigir novos filmes? Vaso ruim não quebra.

Agora, se os fora de competição estivessem no páreo… Que lista! Espero que Bressane apresente trabalho melhor que os últimos, para manter o nível de Manoel de Oliveira (e o próprio atua em Cristovão Colombo, aliás, no alto de seus 98 anos), Chabrol, Im Kwon-taek e Kitano. E o mesmo vale para Woody Allen.

Related Posts with Thumbnails

Related Images:

 Leave a Reply

(required)

(required)

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>