Feb 242010
 
Berlinale

Era uma vez, quando o cinema turco se resumia a Yol, Palma de Ouro em 1982. Hoje, para o bem ou para o mal, há Nuri Bilge Ceylan e Semih Kaplanoglu, que acaba de ganhar o Festival de Berlim com Honey – última parte da trilogia que conta ainda com Egg e Milk. Não sei se os filmes de Kaplanoglu passaram alguma vez no Brasil. Talvez em sessões obscuras da Mostra São Paulo. Cakoff adora. [...Continua...]

Oct 302009
 
Metropolis

Já assisti a três versões de Metropolis. A primeira, com a horrível trilha sonora de Giorgio Moroder. A segunda, mais curta – sem Moroder -, com 80 minutos. Por fim, a cópia “restaurada”, com cerca de duas horas e a música original de Gottfried Huppertz. Mas os dias das versões acabaram. Em 2010, o Festival de Berlim apresentará o corte integral de Metropolis, com todos os 4189 metros que estrearam em 10 de janeiro de [...Continua...]

Mar 102008
 
You Are.. Everything... Everything!

Alphaville, 1965, de Jean-Luc Godard. A DOCE VIDA, de Federico Fellini Você é tudo, Sylvia. Você sabe que é tudo? You are… everything… everything! Você é a primeira mulher do primeiro dia da Criação. Você é a mãe, a irmã, a amante, a amiga, o anjo, o diabo, a Terra, a casa. Isso o que você é: a casa! Sylvia… A MULHER E A CASA, de João Cabral de Melo Neto Tua sedução é menos [...Continua...]