May 132008
 
Sertão Glauber

Começa nesta madrugada, e prossegue durante a semana, o especial Sertão Glauber, na TV Brasil (antiga TVE) – série de documentários, de Joel Pizzini e Paloma Rocha, sobre O Dragão da Maldade Contra o Santo Guerreiro, no ingrato horário de 00h10. Programa absolutamente obrigatório, no entanto, já que falamos de verdadeiro monumento do cinema brasileiro, obra-prima da qual sou fã confesso. Pode não ser o melhor filme de Glauber Rocha (a honra pertence mesmo a [...Continua...]

Mar 142008
 
Se Entrega, Corisco!

Glauber Rocha e Roberto Rossellini. Mais fortes são os poderes do povo!!! (Mas já pensaram Gerônimo no poder?) 69 anos de Glauber Rocha. Que falta ele faz! Embora duvide que o editais lhe dessem verba para filmar A Idade da Terra, por exemplo. Deus e o Diabo na Terra do Sol, 1964. Terra em Transe, 1967. O Dragão da Maldade Contra o Santo Guerreiro, 1969. Dos longas-metragens do Glauber que vi: 1. A Idade da [...Continua...]

Dec 102007
 
The Key to Reserva

The Key to Reserva, de Martin Scorsese Assistam ao delicioso falso-documentário em que Martin Scorsese homenageia Alfred Hitchcock e Bernard Herrmann (com quem trabalhou em Taxi Driver, aliás): The Key to Reserva. A premissa é engraçadíssima: Scorsese supostamente encontrou três páginas de roteiro jamais filmadas por Hitchcock. Contudo, falta a última página, da qual resta apenas o parágrafo final. Marty pretende dirigi-las a fim de preservá-las, como ele mesmo diz, na melhor frase do filme: [...Continua...]

Jul 062007
 

Votação na Paisà sobre os 20 melhores filmes brasileiros. De 18 críticos perguntados, nenhum – NENHUM! – citou qualquer filme que seja de Fernando Coni Campos. O Mágico e o Delegado, O Homem em Sua Jaula, Ladrões de Cinema, Viagem ao Fim do Mundo… nada. Não constar em listas individuais, ok… mas no apanhado geral, no conjunto da crítica, sequer ser mencionado… Que horror! Jóias do nosso cinema que não merecem tamanha injustiça. Outros absurdos: [...Continua...]

Mar 192006
 

Odeon, domingo, 17h20: My Fair Lady. Amo de paixão. Embora ache que Stanley Kubrick deveria ter ganhado Oscars de filme, direção e de roteiro ao longo da carreira, os de 1964 ficaram muito bem entregues ao filmaço de George Cukor, realmente melhor que Doutor Fantástico. E Doutor Fantástico, para mim, também é obra-prima, vejam bem! Outra opção é MAM, 18h, O Diabo Manco, de Sacha Guitry. Nunca assisti a nada dele (falha imperdoável, pois entre [...Continua...]