Jun 172009
 
Holocausto

Com o lançamento de Os Falsários, a revista Época listou 14 filmes para entender o Holocausto. Eu incluiria apenas A Espiã (e talvez Bastardos Inglórios que, claro, não vi). Como resposta, escolhi outros 14 filmes, bem mais importantes: O Grande Ditador, 1940, de Charles Chaplin. Charles Chaplin disse que não faria O Grande Ditador se soubesse dos campos de concentração. Demagogia ou não, o primeiro “talkie” de Chaplin, realizado no calor da hora – a [...Continua...]

Jun 092009
 

Está disponível no youtube o tralier de Socialisme, que Jean-Luc Godard lançará em 2010. Chamam a atenção a gloriosa fotografia digital e a janela 16:9, típica do HD. Godard já filmou Elogio ao Amor em digital (absurdamente contrastado). Ao que parece, Socialisme segue o mesmo caminho, de negar qualquer realismo ao suporte – que o diretor sempre atacou: em Nossa Música, por exemplo, ao lhe perguntarem se o digital representa a salvação do cinema, Godard [...Continua...]

Apr 102008
 
Shine a Light

Shine a Light, 2008, de Martin Scorsese Se Shine a Light é apenas um show de rock filmado, espero que todas as bandas contratem Martin Scorsese para gravá-las. Mas claro que, na verdade, estamos diante de um filmaço maravilhoso. Os Rolling Stones que, para não sentirem a passagem do tempo e o envelhecimento do corpo, e em troca do nirvana artístico alcançado no palco, vendem a alma ao demônio. Fausto! Ou Doutor Fausto. Thomas Mann [...Continua...]

Mar 102008
 
You Are.. Everything... Everything!

Alphaville, 1965, de Jean-Luc Godard. A DOCE VIDA, de Federico Fellini Você é tudo, Sylvia. Você sabe que é tudo? You are… everything… everything! Você é a primeira mulher do primeiro dia da Criação. Você é a mãe, a irmã, a amante, a amiga, o anjo, o diabo, a Terra, a casa. Isso o que você é: a casa! Sylvia… A MULHER E A CASA, de João Cabral de Melo Neto Tua sedução é menos [...Continua...]

Feb 262008
 
O Prazer

Bertolucci sobre O Prazer, de Max Ophüls. Curioso extra do DVD de O Prazer. Bernardo Bertolucci comenta sobre sua reação ao assistir ao filme de Max Ophüls – na verdade, teve de vê-lo três vezes, já que ao término de cada episódio estava tão enlouquecido que não conseguia continuar. A entrevista está em italiano, mas forçando um pouco os ouvidos, dá para entender. Compreendo a reação de Bertolucci perfeitamente. Não assisti ao filme em etapas, [...Continua...]

Feb 072008
 
Berlinale

Shine a Light, 2008, de Martin Scorsese. Começa o Festival de Berlim. Os filmes em competção: Avaze Gonjeshk-Ha, de Majid Majidi Ballast, de Lance Hammer Bam Gua Nat, de Hong Sang-Soo Caos Calmo, de Antonio Luigi Grimaldi Elegy, de Isabel Coixet Feuerherz, de Luigi Falorni Gardens of the Night, de Damian Harris Happy-Go-Lucky, de Mike Leigh Il y a Longtemps que Je T’aime, de Philippe Claudel Julia, de Erick Zonca Kaabee, de Yôji Yamada Kirschblüten [...Continua...]

Aug 292007
 

Terminei de arquivar meus filmes baixados pelo e-mule. Estão agora todos catalogados, por nome, diretor, língua em que é falado e legendas. Tenho mais de 500 títulos, obras (ripadas a maioria de DVDs) de Orson Welles, John Ford, Manoel de Oliveira, João César Monteiro, D. W. Griffith, F. W. Murnau, Max Ophüls, Jacques Demy, Cecil D. DeMille, Carl Dreyer, Yasujiro Ozu, Kenji Mizoguchi, Jacques Tati, Werner Herzog, Rainer Werner Fassbinder, Jean-Luc Godard, Eric Rohmer, Jia [...Continua...]