Jun 172007
 
A Colecionadora

Ela passa Catando os corações um a um Dêem os corações Todos os bons corações Os maus corações Os pobres corações Vocês não chegarão nunca Até os seus lábios Oh os corações Os pobres corações Ela se aborrece E põe os corações no seu cesto Infelizmente Os corações lá não ficam Não ficam muito tempo Não ficam o suficiente Nem mesmo uma primaverazinha Texto: Cidade de Carcassome, de Guillaume Apollinaire. Imagem: A Bela da Tarde, [...Continua...]

Jun 112007
 
Jean-Pierre Cassel (1932 - 2007)

Outro que se foi, também de câncer, em abril: Jean-Pierre Cassel. Cassel esteve em O Exército das Sombras, de Jean-Pierre Melville. Foi um dos burgueses que não conseguem jantar em O Discreto charme da Burguesia, de Luis Buñuel. Fez La Cérémonie, de Claude Chabrol. Participou da superprodução Paris Está em Chamas?, de René Clément. Atuou em Assassinato no Expresso do Oriente, de Sidney Lumet, e em Prêt-à-Porter, de Robert Altman. Mas será lembrado mesmo pela [...Continua...]

Mar 012007
 

Começando pelo fim: como sou fã do cinema americano clássico, e ainda mais das parcerias entre Michael Curtiz, Errol Flynn e Olivia De Havilland (Capitão Blood, Os Trilhos de Santa Fé), o grande destaque, sem dúvida, vai para As Aventuras de Robin Hood. Filmaraço que, se a cópia estiver boa, permitirá ver a glória do technicolor e ouvir a excepcional trilha sonora de Erich Korngold, possivelmente a melhor já feita para o cinema. Menino prodígio, [...Continua...]

Mar 012007
 

Olhares neo-realistas O neo-realismo é um dos mais importantes movimentos da história do cinema, surgido na Itália, no final da segunda grande guerra, influenciou outros gêneros e cinematografias como a nouvelle vague francesa, o free cinema inglês e o cinema novo brasileiro. Preocupado em mostrar a realidade do povo, aboliu o uso de estúdios e passou a usar locações e muitas vezes atores não profissionais, contrapondo-se aos filmes escapistas realizados durante o regime fascista. A [...Continua...]

Apr 282006
 

Domingo, todos ao Odeon: 20h30, Passion, de Jean-Luc Godard. Na janela certa. É um dos filmes mais belos que o cinema já produziu. Das maiores obras-primas de Godard (mesmo, lá em cima). E antes, ainda passa Valmont, de Milos Forman. Injustiçadíssimo Valmont, que ficou à sombra de Ligações Perigosas, de Stephen Frears, lançado no ano anterior. Chance de descobrir (ou de reafirmar, para aqueles que já sabem) que a versão de Forman e Jean-Clauce Carriére [...Continua...]

Mar 022006
 
Os Esquecidos

Os Esquecidos, 1950, de Luis Buñuel Geralmente eu coloco o link do texto na Contracampo mas, dada a importância simbólica, tomo a liberdade de publicá-lo direto no blogue. Após os marcos surrealistas Um Cão Andaluz e A Idade de Ouro e dos documentários Terra Sem Pão e Espanha Fiel em Armas (pró-república), Luis Buñuel mudou-se para os EUA, onde trabalhou na Warner Bros., supervisionando as dublagens em espanhol para o estúdio, e no MoMA, remontando [...Continua...]

Feb 272006
 

Quarta-feira, às 20h30, no Odeon, grande comemoração pelos 2 anos e 4 meses de blogue, com suas quase 67 mil visitas. Todos os leitores que estiverem no RJ – TODOS – estão convidados para a exibição do filme que batiza o blogue, Los Olvidados, na Sessão Cineclube. Claro que tudo não passa de enorme coincidência e de que estou me aproveitando do fato, mas a picaretagem sempre esteve entranhada na alma deste blogue, desde o [...Continua...]