Aug 302010
 
Cine Maison - Robert Bresson

Ainda hoje, no Cine Maison, passam A Grande Testemunha e Lancelot du Lac, de Robert Bresson: Às 18h: A Grande Testemunha / Au Hasard Balthazard (França, 1966). P/B. Leg. Port. 35mm. 90′. Às 20h: Lancelot du Lac / Lancelot du Lac (França, 1974). Cores. Leg. Port. 35mm. 85′. Não lembro mais quantas vezes o Cine Maison exibiu A Grande Testemunha (quatro, cinco?). Mas sempre vale revê-lo. Lancelot du Lac é mais raro. Bresson volta à [...Continua...]

Jan 182010
 
Robert Bresson no Cine Maison

Duas obras-primas hoje, no Cine Maison: O Dinheiro, às 18h, e A Grande Testemunha, às 20h. Como A Grande Testemunha já passou nos cinemas (nem tão) recentemente, concentro-me em L’argent, último filme de Robert Bresson. Em L’argent, Bresson mostra como o dinheiro (o capitalismo, enfim) leva Yvon, através de circustâncias injustas, ao assassinato. Ou como o modo de produção que domina a sociedade contemporânea mata a pureza e a inocência do Homem (embora se baseie [...Continua...]

Mar 052008
 
Noites do Sonhador

Noites Brancas, 1957, de Luchino Visconti. Quatro Noites de Um Sonhador, 1971, de Robert Bresson. – Ouça, quer saber quem sou? – Evidentemente que sim! – Quer sabê-lo exatamente? – Exatamente! – Pois bem, vou-lhe fazer a vontade: eu sou… um tipo. – Um tipo? Mas que espécie de tipo? – exclamou a jovem, rindo com tanta vontade que dir-se-ia não rir há mais de um ano. – O senhor é muito divertido! Olhe, há [...Continua...]

Jul 222007
 

Na Maison de France, duas sessões duplas com Robert Bresson. Dia 23, amanhã, As Damas do Bosque de Boulogne, às 18h, seguido por O Processo de Joana D´Arc, às 20h. Na outra segunda-feira, dia 30, passam A Grande Testemunha, às 18h, e Mouchette, às 20h. É verdade que os quatro filme são habitués de mostras no RJ. Já perdi a conta de quantas vezes os vi no cinema. Mas são obras-primas que merecem a tela [...Continua...]

Aug 182006
 
Michael Dudok de Wit, O Holandês Voador

Michael Dudok de Wit, o Holandês Voador. – Tom Sweep, 1992 – O Monge e o Peixe, 1994 – Pai e Filha, 2000 – The Aroma of Tea, 2006 A entrevista do diretor, de quando recebeu o primeiro prêmio Robert Bresson: www.mastersofcinema.org/bresson/Words/Dudok_de_Wit.html (coincidência ou não, ele é conhecido como o Bresson da animação). E, para completar, fiquem com La Esfera de Pascal, de Jorge Luis Borges: “Quizá la historia universal es la historia de unas [...Continua...]

Jun 202006
 

O Cineclube Sala Escura, para os que não conhecem, começou exibindo filmes latinos na Cinemateca do MAM. Continua, aliás, sempre em alguma quinta-feira do mês que não sei qual. Na última sessão, por exemplo, passou Sur, de Fernando Solanas. Desde o mês passado, o cineclube ampliou seu escopo e agora também se dedica ao cinema francês. Quarta-feira (amanhã), 20h, será exibido o magnífico As Damas do Bois de Boulogne, de Robert Bresson. Já é Bresson, [...Continua...]

Jun 152006
 
Mouchette

Mouchette, 1967, de Robert Bresson Mouchette se inicia com o lamento da mãe. Se morrer, ela pergunta, como ficarão os demais? A feminilidade doente e moribunda, o mundo dos homens que se caçam uns aos outros, como os animais com as armadilhas: mergulhada desde sempre na corrupção que a cerca, Mouchette talvez seja a personagem mais sem perspectivas criada por Robert Bresson, uma vez que, ao contrário, por exemplo, de Marie, em Au Hazard Balthazar, [...Continua...]

Jun 132006
 
Mouchette no Cineclube

Reparei que durante a Copa do Mundo as visitas caíram drasticamente. Compreensível. Hoje, por exemplo, antes de Brasil e Croácia (e França e Suíça), o clássico Togo versus Coréia do Sul. Para entrar na História. Assim, já coloco a chamada com um dia de antecedência: quarta-feira, 20h30, no Odeon, passa Mouchette, de Robert Bresson. Escrevi o folheto, portanto é mais um motivo para fazer o convite. Para mim, Bresson está entre os maiores cineastas do [...Continua...]